Seja +
Seja +

Artigos sobre relacionamento

As 10 melhores dicas de paquera online

As 10 melhores dicas de paquera online
Cada vez mais, o mundo está online. Grande parte das pessoas está conectada numa imensa rede de relacionamentos em tempo real ao redor do planeta! Isso faz com que as chances de encontrar um grande amor neste universo virtual aumentem consideravelmente. Se você está à procura, o ideal é que conheça as melhores dicas de paquera e, principalmente, que reconheça suas mais envolventes qualidades. Afinal, elas são suas ferramentas na arte da conquista!

1- Não tente se adequar ao outro
Algumas pessoas, infelizmente, com medo de não corresponderem às expectativas do outro, terminam perdendo a preciosa chance de se mostrarem como realmente são e... acertar “na mosca”. Ou seja, acreditando que devem se comportar de uma maneira que lhes parece mais adequada, não se mostram de verdade. Assim, terminam atraindo pessoas e relações que não correspondem com o que realmente desejam viver. Desperdiçam tempo, sentimento e energia tentando criar uma sintonia que poderia ter surgido com outras pessoas, naturalmente.

2- Cuidado com a ansiedade
Como muito bem avisa o dito popular “tudo o que é demais, faz mal”. Ansiedade pode ser muito boa quando na medida certa. Vai servir como impulsionadora para grandes feitos, para aflorar a criatividade, entre outros ânimos. Porém, quando ela angustia, paralisa ou faz com que você atropele os acontecimentos, certamente lhe renderá frustrações desnecessárias. Confie no ritmo e aposte que o que tiver de ser, será!

3 - Use sua intuição
Ao conhecer alguém, em geral você logo percebe o nível de identificação. Com algumas pessoas, o papo rola de modo super agradável e a vontade é de repetir a dose o quanto antes. Com outras, porém, o papo trava e os mal entendidos são frequentes. Claro que todo mundo merece uma segunda chance, mas se sua intuição lhe avisa que o encontro não vai render e que nada tem a ver com o que você quer, pra que se desgastar e insistir? Tente se manter em contato com suas verdadeiras intenções.

4 - Entenda os sinais...
Tem gente que, sem se dar conta, termina se comportando como masoquista. Parece que gosta de sofrer. Basta alguém começar uma sessão de “tortura psicológica” para a pessoa gamar. Diz que vai ligar e não liga, combina de conversar e não aparece, diz que vai marcar um encontro, mas nunca dá certo... Enfim, uma verdadeira “barca furada”! Mas a pessoa não desiste. Quer saber o que houve, dá outra chance e vai se machucando cada vez mais. Nestes casos, o melhor é relaxar e partir pra outra, porque quando uma pessoa realmente está a fim, não se comporta dessa maneira.

5 - Seja honesto consigo mesmo e com o outro
Quando você sabe o que quer, fica mais fácil chegar lá. O problema é quando isso não está claro para todos os envolvidos. Tem gente que só quer conhecer pessoas, sem necessariamente se envolver afetivamente ou assumir um compromisso, por exemplo. Tudo bem! As pessoas têm o direito de fazer suas escolhas. A questão é: seja claro com o outro. Diga o que quer e não abuse dos sentimentos alheios.

6 - Faça só o que quiser fazer
Outro dia, uma amiga me contou que vinha conhecendo vários rapazes. Marcavam de se encontrar num shopping e, às vezes, iam ao cinema ou em outros lugares. E confessou que, mesmo sem ter vontade, terminava beijando todos, por achar que era o mínimo que deveria fazer, já que marcou o encontro. Nada disso! Ninguém é obrigado a nada. Muito menos beijar alguém sem vontade. Um encontro significa apenas uma possibilidade. Faça somente o que tiver vontade.

7 - Do virtual para o real...
Encantar-se com alguém online é muito legal. Conversar, trocar telefones e desejar um encontro real é melhor ainda. O problema é quando essa realidade não chega nunca. Passam-se meses e até anos sem que um nunca consiga sentir o cheiro ou tocar o outro. E, ainda assim, vive-se em função desse suposto amor. Gente, é fato: quem quer estar com alguém, vai encontrar uma maneira. E se não encontrar, é porque não é pra ser! Se você quer viver um relacionamento real, ele tem de ser real, em todos os sentidos! Todos!!!

8 - Cuidado com as armadilhas
Gente é gente em qualquer lugar, até online. Ou seja, existem as honestas e as nem tanto. Portanto, seja realista! Quando marcar um encontro com alguém que você ainda não conhece pessoalmente, tome os cuidados básicos. Avise alguém sobre onde e com quem estará. Marque num lugar público. Tenha o mínimo de referências sobre esta pessoa e certifique-se, antes, de que são verdadeiras. Peça para alguém te ligar durante o encontro, para que você possa sinalizar caso esteja acontecendo algo inesperado. Enfim, cuide de você. Ame-se em primeiro lugar.

9 - Sexo virtual
Quando apimentar as conversas? Quando se expor sexualmente, mesmo que online? Eu diria que, em primeiro lugar, nunca – em hipótese alguma – deixe-se ser filmado. Esta é uma prática que só deve ser feita com quem você conhece e em quem confia muito. E quanto às formas de se expressar sexualmente, siga seu desejo. Faça somente quando estiver a fim. Não se deixe pressionar. Se começar e gostar, ótimo. Senão, avise que prefere parar. Se o outro realmente lhe respeita, vai respeitar também o seu tempo e o seu jeito.

10 - Não desista de ser feliz!
Tem gente que acha que se não deu certo na primeira, nem na segunda e nem na terceira, é porque esse lance de paquera online não é pra ela! Bobagem! Todo mundo pode se sair bem quando está disposto a se relacionar. Agora, raramente dá certo logo de cara! É preciso ter paciência, bom-senso e, acima de tudo, saber aproveitar e se divertir. Conhecer pessoas é tudo de bom e pode render aprendizados impagáveis. Transforme sua busca por um grande amor numa história cheia de alegrias e amadurecimento.

escrito por

Dra. Rosana Braga Consultora

Consultora de Relacionamento e Comunicação, Palestrante, Jornalista e Autora do livro Faça o Amor Valer a Pena, entre outros.